domingo, 5 de outubro de 2014

ÉDIPO TRANSFORMADO EM COMÉDIA NA CAIXA Cultural

Fotografia: Felipe Dâmaso.
COMÉDIA NA CAIXA Cultural CURITIBA

Companhia do Chapitô, de Portugal, comemora 18 anos com versão cômica para a tragédia de Sófocles

A CAIXA Cultural Curitiba apresenta, de 10 a 12 de outubro, o espetáculo Édipo, clássico grego adaptado pelas lentes do humor da Companhia do Chapitô, grupo de teatro criado há 18 anos em Lisboa, Portugal. O inglês John Mowat dirige a peça, além de dividir a direção artística com José Carlos Garcia.

Nas mãos da Chapitô, que realiza um trabalho de criação compartilhado, o herói trágico, emblemático, complexo, criado por Sófocles, torna-se um sujeito azarado, desajeitado, vilipendiado, enxovalhado que, por desgraça, ainda perde a visão. A companhia vai tentar fazer o personagem fugir de seu terrível destino.

Dúvidas cruéis rondam a montagem: seria Édipo o marido da sua própria mãe ou filho de sua mulher? E os seus filhos, seriam também seus irmãos, filhos de sua mulher ou seria ela avó de seus próprios filhos? E ainda, seria Creonte seu tio ou seu cunhado?

Em cena, nenhum cenário ou figurino rebuscado. Tudo é estruturado em torno da interpretação dos atores Jorge Cruz, Marta Cerqueira e Tiago Viegas, que se revezam no papel de todos os personagens da narrativa. “Sem qualquer adereço cênico, sem obedecer a todas as condições da tragédia clássica, apropriamo-nos de fatos e reinterpretamos pormenores, desmistificamos oráculos e da tragédia fizemos comédia. “Reinventamos Édipo, sem complexos”, conta a atriz Marta Cerqueira.

A companhia:
A Cia do Chapitô foi criada em 1996, como parte das atividades da ONG homônima fundada em 1981, em Lisboa, tendo como objetivo a integração social por meio das mais diversas artes. O grupo valoriza a comédia pelo poder de questionamento e pela possibilidade que o gênero oferece de desconstruir narrativas. Calcados no trabalho físico, seus espetáculos são concebidos em processo coletivo de criação e estão em constante transformação.

Desde sua criação, a Cia Chapitô já apresentou 32 criações originais, circulando por Portugal, Brasil, Cabo Verde, China, Colômbia, Espanha, Finlândia, França, Eslováquia, Irã, Itália, Noruega e Suíça.

O diretor:
Desde 1992, John Mowat é diretor artístico, ao lado de José Carlos Garcia, da Companhia, para a qual já criou mais de 20 espetáculos, entre eles Don Quixote, O Grande Criador, A Tempestade, Cão que Morre Não Ladra e Édipo. No Brasil, desenvolve atualmente um espetáculo com o Teatro de Senhoritas, de São Paulo, baseado em contos do Livro dos Abraços, do autor uruguaio Eduardo Galeano.


Serviço:
Teatro: Édipo – Companhia do Chapitô (Portugal)
Data: de 10 a 12 de outubro de 2014 (sexta-feira a domingo)
Horários: sexta-feira às 20h, sábado às 17h e 21h e domingo às 19h
Ingressos: Vendas a partir de 04 de outubro (sábado). R$ 10 e R$ 5 (meia - conforme legislação e correntistas que pagarem com cartão de débito CAIXA)
Bilheteria: (41) 2118-5111 (de terça a sábado das 12h às 20h e domingo das 16h às 19h)
Lotação máxima: 125 lugares (2 para cadeirantes)
Duração: 50 minutos
Classificação etária: Não recomendado para menores de 12 anos.

Nenhum comentário: