terça-feira, 12 de abril de 2016

HISTÓRIA DA GASTRONOMIA CURITIBANA É TEMA DE LIVRO QUE SURGIU EM PORJETO INOVADOR

História da gastronomia curitibana no início do século 20 é tema de livro surgido em projeto inovador
“Doces Lembranças”, escrito pela professora Solange Demeterco, do curso de Gastronomia da Faculdade Opet, faz parte do projeto “Boas Práticas do Saber”

A história da alimentação da Curitiba de 1900 a 1950 é o trajeto percorrido pelo livro “Doces lembranças: caderno de receitas e comensalidade”, da professora Solange Menezes da Silva Demeterco, lançado no último sábado.

Socióloga e doutora em história da alimentação, Solange aborda por meio de cadernos de receitas antigos, os fatos, análises sociológicas e principalmente a memória dos hábitos e costumes da primeira metade do século 20.

Além de contar a história dos cadernos de receitas das mulheres curitibanas do período, o livro inclui receitas daquela época, reproduzidas e registradas em belas imagens. Passadas de geração a geração, os cadernos apresentam a transformação da cozinha enquanto espaço de relações sociais”, conta a professora. 



 “Boas Práticas do Saber”
O livro “Doces Lembranças” faz parte do projeto “Boas Práticas do Saber”, desenvolvido pela professora Solange Demeterco com seus alunos na Faculdade Opet. O site expõe materiais didáticos, atividades realizadas com a comunidade e boas práticas adotadas na faculdade.
O livro é resultado da minha dissertação de mestrado. A partir dessa e de outras pesquisas na área a entendi que se pode ensinar história de outra maneira. Para isso é preciso mudar a prática pedagógica, tornando o aluno o protagonista nesse processo de construção do conhecimento. Os aspectos sociais, históricos e culturais relacionados com a comida são resgatados e se reconstrói um período da história. Quando os alunos entendem isso conseguem elaborar a linha do tempo da gastronomia!”, explica Solange.
Para mais informações, acesse www.opet.com.br/boaspraticas.


Nenhum comentário: