quinta-feira, 10 de setembro de 2015

1ª AMOSTRA DE MODA AUTORAL/CURITIBA (AMA)



Começa nesta quinta-feira em Curitiba

Evento será realizado até sábado, na sala Paranaguá do Memorial de Curitiba, com desfiles de nove marcas locais que se destacam pela identidade e inovação

As marcas e estilistas da 1ª Amostra de Moda Autoral/Curitiba (AMA) estão prontos para pisar na passarela instalada Sala Paranaguá do Memorial de Curitiba. A AMA começa HOJE, quinta-feira, às 19 horas, com o desfile que faz um recorte dos 35 anos de trabalho do designer de acessórios Rodrigo Alarcón. Os nove desfiles escalados para a primeira AMA Curitiba resumem o que de melhor e mais original é produzido nos ateliês curitibanos, roupas e acessórios que representam o caráter autoral e atemporal da nossa criação de moda.

A iniciativa da AMA é do produtor Paulo Martins e da jornalista Nereide Michel, parceiros de longa data, igualmente “amantes” da moda local e que trazem na bagagem a produção de eventos como Curitiba Fashion Art e Paraná Business Collection. Participam desta primeira edição Rodrigo Alarcón (acessórios de luxo), Marcos Novak (bolsas), Rêve, Reptilia/GuerraGalas, Gildo Kist, Damatta, ABÔ Triot e Daisy Rieke (calçados). O designer e professor de moda Silmar Alves, um dos mais representativos criadores de sua geração, é o estilista convidado desta edição inaugural. “Neste momento de dúvidas em relação à economia sentimos a necessidade de abrir um espaço para que os designers locais, que muitas vezes têm dificuldade em concorrer com as grandes marcas, mostrem seu talento e qualidade. Nossa proposta é envolver Curitiba em um circuito que enfatize a cidade como referência em moda e design”, destaca Nereide.

Para Paulo Martins, a AMA é a prova da vocação de Curitiba para os ateliês, onde são produzidas peças com selo de qualidade e forte identidade local. O foco é apresentar uma moda com DNA próprio para um público que busca produtos e ações com conteúdo e informação fortalecendo uma cadeia de negócios baseada na economia criativa. “Na curadoria desta primeira mostra procuramos selecionar marcas que representam a diversidade e o caráter autoral da nossa moda. Em comum, esses estilistas têm a preocupação, não apenas com o design, mas também com um modelo de produção ético e responsável socialmente”, observa Paulo.

Conheça um pouco mais sobre as marcas e estilistas da AMA Curitiba:
O designer Rodrigo Alarcón completa 35 anos de atividades num ramo bem específico, o da joalheria autêntica e exclusiva. Alarcón representa como ninguém o conceito de ateliê com produção original e atemporal. Suas peças mostram como o design é capaz de transformar materiais como ossos, chifres, madeira de demolição e moedas, associadas à prata, ouro e diamante em joias preciosas. Ao longo dos anos, o joalheiro Rodrigo Alarcón conseguiu imprimir uma marca sólida e antenada aos conceitos contemporâneos de sustentabilidade e valorização à nossa história e à nossa origem. Para a AMA, faz uma retrospectiva de seu trabalho com um conjunto de peças em prata 950, obtidas por processo de reciclagem de material fotográfico. O figurino, assinado por Francesca Córdova,  demarca as passagens por meio de blocos de cor com uma silhueta pensada para destacar as joias de forma onírica. "O desfile está carregado de memórias e emoções", diz Rodrigo.

Ficha técnica
Estilo e desenvolvimento de produto  – Rodrigo Alarcón
Trilha Sonora – Clé Carrer
Direção de desfile – Clé Carrer
Iluminação – Beto Bruel
Beleza – Lady & Lord Professional School
Apoios – Francesca Córdova e Armazém das Fábricas (calçados)

ABÔ Tricot
Desenvolvida e assinada pela estilista Gabriela AB, a ABÔ Tricot apresenta peças que fogem do convencional. Seu carro-chefe é o tricot rendado — peças cujos desenhos são releituras das tradicionais rendas — e também os jacquards, técnica em que as estampas são feitas no próprio tricot. A pegada nova para um material tão clássico faz da marca um ótimo exemplo de proposta que nasce local  mas pode ser usada por mulheres de todo o mundo. Autêntico tricot brasileiro tipo exportação. Na AMA/Curitiba, a marca apresenta sua próxima coleção, Trama Lifestyle, que foi inspirada no conceito de trama: estrutura de elementos que se cruzam e interligam como se formassem uma rede.

Ficha técnica
Direção Criativa – Gabriela Abdulmassih
Direção Executiva – Ana Carolina Abdulmassih
Direção de Desfile e Edição de Moda – Robson Schultz
Direção Artística – Paulo Martins
Trilha Sonora – Beto Kloster
Iluminação – Beto Bruel
Beleza – Lady & Lord Professional School
Apoio – AB Sweet

As coleções exclusivas e atemporais da Rêve (pronuncia-se “réve”) podem ser reconhecidas em mulheres cheias de atitude, independentes e descoladas. É o famoso “básico com bossa”, que une conforto e feminilidade em peças que podem ser usadas do escritório à balada. Com um trabalho impecável em tecidos como seda e couro, a Rêve é uma marca slow fashion, com produção e mão de obra locais. As coleções contam com novidades semanais e o conceito da marca é evidente na costura delicada das peças, cortes bem feitos e um caimento que atende aos desejos femininos. Para a Rêve a beleza vem da liberdade de escolha de cada mulher. “Acredito que toda mulher merece se sentir poderosa, capaz de conquistar o mundo. Esta a maior missão da Rêve”, diz Evelise Trombini, designer criadora da grife, que completou 3 anos.
Ficha técnica
Estilo e desenvolvimento de produto  – Evelise Trombini
Assistente de estilo – Thalassa Reis e Renata Weber
Marketing – Marcia Oliveira e Gisele Omairy Granato
Trilha Sonora – Clé Carrer
Direção de desfile – Clé Carrer
Iluminação – Beto Bruel
Beleza – Lady & Lord Professional School
Apoio – Rodrigo Alarcón (acessórios)
Agradecimentos –  Michele Nunes

Reptília&GuerraGalas
Criada pela arquiteta e estilista Heloisa Strobel Jorge, a Reptilia  alia design de vanguarda com técnicas tradicionais para produzir roupas únicas, que carregam as marcas de um processo sustentável e prioritariamente manual. Os tingimentos são manuais, os couros são naturais e as sedas são puras. A natureza brasileira serve de inspiração para as coleções, que têm como base couro de peixe, franjas e tecidos construídos em tear manual. Sobre as raízes locais, um olhar global é lançado. Nesta edição da AMA/Curitiba a Reptilia  divide passarela com a marca GuerraGalas.
O trabalho de criação da marca de joias GuerraGalas bebe da experiência multidisciplinar de seus designers Felippe Guerra e Yan Galas. Guerra é formado em Arquitetura, Urbanismo e Cenografia e desde os 15 anos trabalha com ourivesaria no atelier de seus tios. Já Galas fez carreira internacional como modelo, mas atualmente é estudante de Arte Cênica e Filosofia. Suas peças, todas em prata e madeira, são inspiradas em formas da natureza, nos cheios e vazios da arquitetura, na leveza da moda e na expressividade da anatomia humana. Para o desfile na AMA, a GuerraGalas desenvolveu peças inspiradas na coleção da Reptilia  
 Ficha técnica Reptilia  & Guerra Galas
Direção Criativa – Heloisa Strobel Jorge e Felipe Guerra
Direção de Desfile e Edição de Moda – Robson Schultz
Direção Artística – Paulo Martins
Trilha Sonora – Rodrigo Lemos
Iluminação – Beto Bruel
Beleza – Lady & Lord Professional School
Sapatos – Tutu Sapatilhas

O estilista Gildo Kist assina vestidos de moda festa há 15 anos. Sua grife, a Gildo Kist, produz para o varejo, atacado ou clientes que optam por peças exclusivas, que são feitas sob medida em seu atelier. A prioridade da marca é o acabamento, o caimento e os detalhes: tecidos, texturas e bordados elaborados compõem suas peças, que vão desde vestidos de noiva a trajes para à noite.
 Ficha técnica
Estilo e desenvolvimento de produto  – Gildo Kist e Claudeni Kist
Trilha Sonora – Clé Carrer
Direção de desfile – Clé Carrer
Iluminação – Beto Bruel
Beleza – Lady & Lord Professional School
Apoios: – Rodrigo Alarcón (acessórios) e Aramzém das Fábricas (calçados)

José Marcos Novak é um arquiteto de renome internacional, que aos poucos estreitou seus laços com a área de Design. Começou a criar bolsas em 2006 com algumas características que permeiam seu trabalho até hoje: a mão de obra artesanal em pelo menos uma etapa do processo de produção e o uso de fitas como matéria-prima. A arquitetura é sempre uma inspiração e os acabamentos de sua marca MNOVAK são nada menos que perfeitos. O designer conta que uma das inspirações para peças tão perfeitas por dentro quanto por fora vem do britânico Paul Smith, que diz colocar o “inglês” fora e o “francês” por dentro de suas criações. “O estilo é cada vez mais ligado ao básico, as peças ganham mais simplicidade e solidez à medida que desenvolvo novas coleções. Sempre busco estruturas que favoreçam a textura, leveza e praticidade quando desenho as bolsas”, conta Novak. A coleção que será apresentada tem cortes retos e super preciosos, com contraste de nude e preto somados aos vermelhos terrosos com pink. As bolsas acompanharão uma tipologia de baús, totes e clutches todas em fita.
Ficha técnica
Direção Criativa – Marcos Novak
Direção de Desfile e Edição de Moda – Robson Schultz
Direção Artística – Paulo Martins
Trilha Sonora – Beto Kloster
Iluminação – Beto Bruel
Beleza – Lady & Lord Professional School
Vestidos – Reptilia
Patrocínio -  Fitas Progresso

Daisy Rieke
A marca de sapatos femininos Daisy Rieke surgiu da união da empresária Daisy com o estilista português Romão Ferreira, descendente de uma tradicional família européia que há décadas produz sapatos. O conceito que rege a empresa é exclusividadede cada modelo é feito apenas um par por numeração. O processo de produção é bastante artesanal, o que acentua a ideia de originalidade: todos os modelos nascem na ponta do lápis de Romão e são testados por Daisy, que avalia pessoalmente a qualidade e conforto de seus produtos.
Ficha técnica
Estilo e desenvolvimento de produto  – Daisy Rieke e Romão Ferreira
Marketing  – Diogo Cavazotti
Trilha Sonora – Clé Carrer
Direção de desfile – Clé Carrer
Iluminação – Beto Bruel
Beleza – Lady & Lord Professional School
Apoio – Gappy Store (figurino)
Agradecimento – Tres Joulie

Damatta
A jovem marca Damatta produz roupas e acessórios que valorizam o bem-estar além do físico. Suas peças somam conceitos e perspectivas durante o processo de criação — as inspirações costumam vir de luzes, luminescências e contrastes. Sob o lema de fazer “produtos com uma história para contar”, a grife curitibana, criada pelas irmãs Camila e Cyntia Damatta, já cunhou um estilo próprio, que traduz percepções em estampas, desenhos e formas. A Damatta faz sua estreia na passarela apresentando uma coleção inspirada na monocromia da arquitetura grega.
Ficha técnica
Direção Criativa – Camila Damatta e Cyntia Damatta
Direção de Desfile e Edição de Moda – Robson Schultz
Direção Artística – Paulo Martins
Trilha Sonora – Beto Kloster
Iluminação – Beto Bruel
Beleza – Lady & Lord Professional School

Silmar Alves
Professor, artista, paranista… O estilista Silmar Alves é um dos nomes mais criativos da moda curitibana.Tem produzido de forma limitada e artesanal, sempre com foco nas raízes paranaenses. Figuras da cultura local como Irmãos Queirolo, Leminski, Trevisan, Nossa Senhora do Rocio e Maria Bueno já inspiraram coleções suas: agora é a vez da Didi Caillet, Miss Paraná, eleita em 1929, e 2° lugar no Miss Brasil, virar tema de seu trabalho. Musa do Paranismo, ela foi uma mulher à frente do seu tempo, tanto que foi eleita Miss Inteligência no concurso realizado no Rio de Janeiro, onde foi ovacionada como se fosse a vencedora. Na primeira edição do AMA, Silmar apresenta uma coleção cujas silhuetas lembram aquelas dos anos 20. Muitas franjas, bordados em pérolas, miçangas, canutilhos, mas com um olhar atual e materiais variados. 
Ficha técnica
Estilo e desenvolvimento de produto  – Silmar Alves                               Trilha Sonora – Paulo Martins
Direção de desfile – Clé Carrer e Paulo Martins
Beleza – Lady & Lord Professional School
Apoios – Rodrigo Alarcón (acessórios) e Armazém das Fábricas (calçados)

Serviço: AMA Curitiba
Idealização e Coordenação: Paulo Martins e Nereide Michel
Realização: IMOP/Instituto de Moda do Paraná
Produção: OX Comunicação de Moda Produções e Eventos
Coordenação geral: NaModa Comunicação de Estilo

Apoios: Fundação Cultural de Curitiba, Agência Curitiba, IBQP - Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade, Lady & Lord - Centro de Formação de Profissionais da Beleza, Bendita Catarina, Mirrage Convites e Design e Dani Brito Bureau de Comunicação.

Nenhum comentário: