terça-feira, 2 de agosto de 2016

PÁTIO BATEL RECEBE EXPOSIÇÃO DE CARROS SUPERESPORTIVOS

Carros fazem parte do Dream Route, terceiro maior evento do mundo com foco em carros de luxo  
Os superesportivos mais desejados do mundo estão reunidos para um evento especial nas próximas semana. Os carros, entre eles Ferraris, Lamborghinis, Porsches, BMWs e Audis, fazem parte do Dream Route Tour, o primeiro rally de luxo do Brasil e o maior evento do gênero na América Latina. Durante o final de semana, clientes do Pátio Batel podem conferir, no Piso L1, a exposição de cinco modelos dos veículos que farão parte do rally.

Para quem é apaixonado por carros, o Dream Route e o Pátio Batel prepararam ainda uma oportunidade única de apreciar os superesportivos: na quinta-feira (4/07), mais de 60 carros que fazem parte do rally estarão expostos no estacionamento do shopping, no Piso S2, próximo ao valet. O espaço estará aberto para visitação até sexta-feira, dia 5 às 14h00, quando acontecerá a largada oficial.

Em sua terceira edição, o Dream Route tem uma rota que começa em Curitiba e segue para Jurerê Internacional, passando por Balneário Camboriú e Florianópolis. Entre os modelos confirmados no evento estão uma Ferrari Speciale Novitec Rosso, única do Brasil, a Lamborghini Performante, a Lamborghini Gallardo Valentino Balboni, a Ferrari 458, a Ferrari F12 Berlinetta, o AMG GT e o Porsche 911 Turbo. 

Sobre o Dream Route
A Dream Route nasceu da paixão de dois empresários pelos superesportivos e hoje é o terceiro maior evento do mundo com foco em carros de luxo. Vinícius Trapani e Alesandro Magno trabalham com a importação de super carros para o Brasil. Em meio a tantas viagens pelo mundo, em busca dessas verdadeiras máquinas, conheceram o Gumball 3000 (Europa) e Gold Rush Rally (EUA), os dois maiores rallys de luxo do mundo. “A inspiração foi imediata”, diz Alessandro Magno. “É difícil andar com esses carros nas cidades e com tantas estradas maravilhosas, belas paisagens, tínhamos que trazer isso para o Brasil, oferecer essa oportunidade”, completa.    

               

Nenhum comentário: