segunda-feira, 5 de maio de 2014

BOLOS QUE RESGATAM O PASSADO NA SWEET LOLLA

Em Curitiba, a Sweet Lolla joga luz sobre a comfort food por meio de bolos e outras delícias que mexem com a memória olfativa e gustativa. 

Os saudosos e incomparáveis bolos caseiros estão de volta. E em um dos locais mais tradicionais de Curitiba. É na Boca Maldita (Galeria Tijucas) o endereço da Sweet Lolla Bolos e Delícias, espaço que tem como proposta resgatar a cozinha, mais especificamente os bolos, dos anos 50 e 60.


Para os clientes, são diversas opões de receitas nada industriais. “São aqueles bolos que a mulher faz para o marido e as crianças comerem ao chegarem em casa. Nosso foco são as fórmulas mais antigas, incluindo algumas americanas e outras da própria família”, explica a empresária Fernanda Guimarães. “O principal objetivo é proporcionar uma volta ao passado por meio de cheiros e sabores”.

A lista de comfort food (termo utilizado para se referir a comidas que mexem com as memórias e trazem a sensação de bem-estar, de ser cuidado) ainda inclui delícias como bolachinhas diversas (amanteigadas, nozes, castanhas, chocolate, etc), quindins, palha italiana, club cake (sanduíche de bolo), cinnamon rolls (bolo de canela), brownies, coberturas, bolos salgados (queijo e jardineira), sem glúten e diet. Haverá produtos sendo produzidos diariamente, e outros em apenas determinados dias da semana.

A decoração vintage do novo espaço, somada aos aromas da cozinha, faz com que o cliente não aguente até chegar em casa e sinta vontade de comer no próprio local. Para isso, são servidas porções menores, com chás e café. A Sweet Lolla também atende por encomenda e faz entregas na região central de Curitiba. Saiba mais acessando sweetlolla.com.br.

Serviço:  
- Sweet Lolla Bolos e Delícias
- Coquetel de inauguração dia 6 maio, a partir das 19h30
- Endereço: Galeria Tijucas, 68, Boca Maldita - Curitiba
- Funcionamento: Segunda a sexta-feira, das 10h às 19h, e sábado das 10h às 14h.
- Site e telefone: 41-3117-5199 / sweetlolla.com.br

Nenhum comentário: