BOA LOJA, NO SHOPPING CURITIBA, ARRECADA DOAÇÕES PARA AFECE

Consumidores e lojistas se unem numa corrente do bem e depositam produtos nas prateleiras da loja vazia, que é um posto de arrecadação

Os consumidores param em frente às vitrines para conferir os detalhes de um produto que lhes chamou a atenção, o preço, as condições de pagamento. Se o lojista acertou o alvo, entram na loja e descobrem modelos e cores em meio às araras e cabides. Nas etapas finais do processo de compra estão uma paradinha no provador para aprovar o figurino diante do espelho e, finalmente, o pagamento no caixa.

Pronto: lá vão eles pelos corredores com o sorriso largo, típico de quem comprou uma peça de roupa nova ou um utensílio que estava namorando faz tempo. Essa cena se repete milhares de vezes no mundo todo, diariamente. Menos na Boa Loja, que está funcionando no piso L1 do Shopping Curitiba.

Lá, aquela de sensação de satisfação por ter alcançado um desejo próprio é superado por uma outro sentimento arrebatador: o de ajudar o próximo. Na Boa Loja, os clientes cumprem o papel da boa causa, ao invés de clientes. Entram com as sacolas cheias, depositam uma mercadoria numa prateleira, saem com as mãos abanando e com o coração cheio de alegria.

É que esse estabelecimento não é um ponto comercial comum: é um posto de arrecadação, que acumula uma diversidade de produtos que serão doados para a Afece, entidade que presta assistência para 225 assistidos, que possuem algum tipo de deficiência. Localizada em Curitiba, no bairro Tarumã, a instituição sobrevive graças ao trabalho voluntário, inclusive para captação de recursos, já que recebe em torno de 38% de fundos do governo.

Os custos para oferecer a assistência social, educação, alimentação e saúde para os assistidos é alto, mas a Afece conseguiu driblar todas as adversidades da pandemia e manter todas as atividades em pleno funcionamento. Isso só foi possível aos parceiros, heróis fantasiados de gente comum, espécies de Robin Hoods modernos, que anseiam por levar comida, saúde, educação e oferecer um pouco de conforto para os menos favorecidos. O espírito de todos eles é um só: o da solidariedade. 

O Shopping Curitiba conseguiu ir além com a Boa Loja, espalhando uma sementinha entre os lojistas e consumidores, que se inspiram a ajudar diante de uma vitrine repleta de doações. “Em um ano tão desafiador quanto 2020, temos um papel ainda mais importante, que é despertar o espírito de solidariedade dentro de cada um. Por isso, não medimos esforços para desenvolver ações que de fato serão benéficas para a Afece. Estamos felizes com os resultados até o momento” ressalta Luciano Abe, superintendente do Shopping Curitiba.

Há espécies de doações para todos os gostos e bolsos. Dá para escolher uma das bolas da árvore natalina, adornadas com um QR Code, que direciona para compras de cestas de Natal. Os alimentos também podem ser depositados na Boa Loja, que garante a entrega de todas as mercadorias para a Afece.

A dose de amor ainda tem uma recompensa material, que é para estimular todo mundo a participar: quem doar uma cesta básica na Boa Loja, ganha o triplo de cupons para os sorteios de Natal do Shopping Curitiba. Em 2020, o estabelecimento vai sortear 44 kits da Electrolux e três experiências gastronômicas com o chef Délio Canabrava.

Maíra de Oliveira, diretora geral da Afece, enfatiza a importância das ações realizadas pelo Shopping Curitiba. “As dificuldades econômicas impostas pela pandemia refletiram na queda nas doações para a manutenção dos nossos serviços. E essa parceria, para nós, é um presente de Natal coletivo, é um abraço gigante do Papai Noel em todos os nossos assistidos. Eles necessitam da ajuda comunitária e do voluntariado para ter um Feliz Natal e um próspero ano, sem a falta de recursos materiais, em 2021”, diz.

Os interessados devem levar as doações até a Boa Loja (no piso L1), sem a necessidade de agendamento prévio. O horário de funcionamento é das 11h às 22h, de segunda a sábado, e nos domingos e feriados, das 12h às 20h. O Shopping Curitiba fica na Rua Brigadeiro Franco, 2.300 - Região Central da capital.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CURITIBA RECEBE EM ABRIL A 3ª EDIÇÃO DA OLD & LOW CAR

HANGAR: LIVE COM TRIBUTO AO METALLICA NO SÁBADO

OLGA KIUM E DAVI SARTORI INTERPRETAM GERSHWIN NA LIVE DA UNICULTURA