quarta-feira, 25 de maio de 2016

PALLADIUM CURITIBA LANÇOU PROJETO: CAPI PARADE

Shopping vai expor capivaras feitas de fibra de vidro. As esculturas serão pintadas por personalidades e as peças serão leiloadas em benefício da Campanha Doe Calor do IPCC

 Palladium Curitiba abre nesta segunda-feira, 23, uma exposição inédita. A Capi Parade, inspirada na tradicional exposição de vaquinhas da Cow Parade, terá oito capivaras feitas de fibra de vidro em tamanho maior que o natural, medindo 1 metro de altura por 1,5 m de largura, pintadas por personalidades especialmente convidadas. “A capivara é um símbolo de Curitiba, além de ser um animal extremamente adaptável e frequentemente encontrado em ambientes altamente alterados pelo homem. Ela representa essa interferência do homem no meio ambiente. A sustentabilidade está na essência do Palladium e sempre buscamos criar ações que chamem a atenção da população para essa questão”, diz a gerente de marketing do Palladium Curitiba, Maria Aparecida de Oliveira.

A quantidade de capivaras da exposição faz alusão ao oitavo aniversário de inauguração do Palladium Curitiba.  As capivaras serão pintadas pelos artistas plásticos locais Dani Henning e Di Magalhães, pelo conceptual artist Luiz Pagano e pelo cenógrafo e artista plástico Juarez Fagundes, ambos de São Paulo, pelo humorista Diogo Portugal, pelo arquiteto e urbanista Jaime Lerner e por designers da ProDesign>PR.

A exposição no Palladium Curitiba será de 23 de Maio a 5 de Junho. Nos dias 4 e 5 de Junho, as crianças que passarem pelo shopping poderão pintar mini capivaras de gesso. “A intenção do Palladium é conscientizar a criançada sobre a preservação da natureza, além de proporcionar a experiência lúdica da pintura”, completa a gerente de marketing.
Capivara: Empedócles, de Dani Henning. 
A Capi Parade poderá ser vista em diversos locais da capital paranaense. Em alusão ao Dia Mundial do Ambiente, a exposição itinerante começara em 6 de junho, indo até o dia 12. Como as capivaras andam em bando de até 30 animais, as oito esculturas estarão sempre juntas.

No final da ação, as peças serão doadas e leiloadas pelo parceiro da ação, o leiloeiro Helcio Kronberg. Uma capivara vestirá uma camisa verde e amarela que será autografada pelo rei Pelé, após o leilão, com dedicatória ao arrematante. Tanto o valor arrematado quanto a comissão do leiloeiro serão revertidos em cobertores para a Campanha Doe Calor do Instituto Pró-Cidadania de Curitiba (IPCC), que atende anualmente mais de 170 mil pessoas e é a maior campanha do agasalho no Paraná. “Além de mobilizar a comunidade na doação de roupas e cobertores, o IPCC busca parcerias que contribuam para o repasse de cobertores novos. Essa exposição do Palladium é uma iniciativa bastante criativa para mobilizar a população e será uma parceria fundamental para que possamos levar melhores condições para muitas pessoas que precisam desse suporte para enfrentar o rigoroso inverno do Curitiba”, enfatiza o superintendente do IPCC, Gerson Guelmann.

A Capi Parade conta com o apoio da Prefeitura Municipal de Curitiba, da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, da Rede de Proteção Animal de Curitiba, do Instituto Pró-Cidadania de Curitiba (IPCC), da Deiró Moving Ideas e do leiloeiro Helcio Kronberg.

Serviço: Capi Parade – Palladium Curitiba
Exposição no Palladium, de 23 de Maio a 5 de Junho.
Ação com crianças no Palladium, nos dias 4 e 5 de Junho.
Exposição em pontos turísticos de Curitiba, de 6 a 12 de Junho.
06/06 (seg): Prefeitura
07/06 (ter): Rua XV (Boca Maldita)
08/06 (qua): Praça Santos Andrade (em frente ao prédio da Federal)
09/06 (qui): Praça Rui Barbosa
10/06 (sex): Jardim Botânico
11/06 (sab): Mercado Municipal
12/06 (dom): Parque Barigui
Leilão das esculturas, dia 16 de Junho, no Palladium Curitiba.


Nenhum comentário: