segunda-feira, 11 de julho de 2016

EXPOSIÇÃO TRAZ OBRAS DE HENRI MATISSE PARA CAIXA CULTURAL CURITIBA

Em série Jazz, artista combinou desenho e pintura em colagens feitas com papeis recortados e coloridos com guache


A CAIXA Cultural Curitiba inaugura, no dia 12 de julho (terça-feira), a exposição Henri Matisse – Jazz, com obras do pintor, desenhista e escultor francês Henri Matisse (1869-1954). A mostra reúne 20 pranchas impressas com a técnica au pochoir, feitas especialmente para o livro Jazz, publicado em 1947.

Na ocasião, foram impressos 250 álbuns – dois destes estão no Brasil. As obras apresentadas pertencem ao exemplar 196, que integra o acervo dos Museus Castro Maya. A curadoria da exposição é de Anna Paola Baptista, curadora do Museu da Chácara do Céu.

A exposição é um conjunto de desenhos feitos com tesoura, técnica desenvolvida por Matisse no início da década de 1940. Obrigado a passar longos períodos na cama e na cadeira de rodas, recuperando-se de uma delicada cirurgia, o pintor primeiro dedicou-se ao desenho e à ilustração. Depois, foi mais longe, combinando desenho e pintura em colagens feitas com papeis recortados e coloridos com guache.

O artista já havia utilizado os papiers collés para o estudo da obra La danse (1909), mas foi a cumplicidade do editor e crítico grego Tériade que o incentivou a realizar um livro de arte só com papéis colados, trabalho que mais tarde foi considerado como uma de suas obras mais importantes.

Durante os primeiros dois anos de trabalho, Matisse experimentou cores e formas, utilizando folhas de papel que coloria com cores de guache. Recortava até atingir o resultado que pretendia. O processo de edição do livro, iniciado em 1942, durou cinco anos. O título foi definido em 1944 e a ideia de incluir texto, em 1946.

As imagens variam da abstração a figuras de grande vivacidade, mescladas a um texto manuscrito impresso em fac-símile, no qual Matisse faz observações sobre assuntos diversos. O próprio autor esclarece que a composição aborda assuntos ligados ao circo, contos populares e viagens, com ritmo identificável aos sons de uma orquestra de jazz.

Henri Matisse
Pintor, gravurista, desenhista e escultor, o francês Henri Matisse é considerado um dos principais artistas do século 20, exercendo uma figura de liderança na arte moderna. Influenciado por obras de Nicolas Poussin, Antoine Watteau, Jean-Baptiste-Siméon Chardin, Edouard Manet, e os pós-impressionistas Cézanne, Gauguin, Van Gogh e Signac, e também por Auguste Rodin, usava a cor como fator principal de sua pintura, sendo conhecida por sua vivacidade.

Com motivos repetitivos e formas curvas, foi também o inventor da técnica do desenho com tesoura. Entre suas principais obras estão Banhistas na margem de um rio, Flores e prato de cerâmica, e Retrato de Yvonne Landsberg. O quadro Les coucous, tapis bleu et rose foi avaliado em 32 milhões de euros.

Serviço: Exposição: Henri Matisse - Jazz
Local: CAIXA Cultural Curitiba – Galerias Térreo e Mezanino, Rua Conselheiro Laurindo, 280 – Curitiba (PR)
Abertura: 12 de julho, 19h (terça-feira)
Visitação: 13 de julho a 04 de setembro
Horário das Galerias: terça a sábado, das 10h às 20h. Domingo, das 10h às 19h
Ingressos: entrada franca
Informações: (41) 2118-5114
Classificação etária: Livre para todos os públicos.

Nenhum comentário: