terça-feira, 12 de julho de 2016

FESTIVAL DE INVERNO DO CENTRO HISTÓRICO COMEÇA DIA 14 DE JULHO

De 14 a 24 de Julho uma das regiões mais charmosas de Curitiba terá música, moda, cultura e gastronomia para celebrar com toda a família a época mais fria do ano.

O título de capital mais fria do Brasil não foi conquistado à toa por Curitiba. E pelo quarto ano consecutivo o Festival de Inverno do Centro Histórico vem celebrar a cultura do inverno e do Paraná. De 14 a 24 de Julho mais de 20 estabelecimentos da região que se uniram formando a Associação de Empresários do Centro Histórico prepararam uma programação recheada de moda, gastronomia, cultura, serviços e bem-estar para curitibanos e turistas. O objetivo do evento é valorizar a identidade histórico-cultural e fomentar o desenvolvimento econômico da região.

O Festival de Inverno do Centro Histórico já entrou no calendário oficial da cidade e temos muito prazer em ser parte disso. É uma grande festa para celebrar a nossa cidade, a nossa cultura e o que temos de melhor. Convidamos a todos para participarem das nossas atividades, reviverem o Centro Histórico de uma nova maneira e aproveitar o que o inverno tem de melhor”, afirma Anna Vargas, presidente da Associação de Empresários da Região.

A estreia do evento, no dia 14, será em dos pontos mais movimentados do Largo da Ordem: o Memorial de Curitiba. A imponente construção vai marcar a abertura oficial em um encontro apenas para convidados. Neste mesmo dia toda a população que quiser participar do Festival de Inverno também vai ter programação: terá muita música no Pizza e no Jokers Pub. A entrada é free no primeiro e R$ 15 no segundo.

Programação variada e multicultural  
Ao longo de todos os 10 dias do Festival, a programação será recheada de atrações, sendo a maioria delas sem custo. São apresentações de música, palestras, degustações, workshops, circuitos, entre outros.

Procuramos montar uma programação que contemple muita coisa legal. Teremos muita gastronomia, música, cinema, moda e tudo o que o curitibano mais gosta de curtir no inverno. E o melhor, grande parte das atrações são gratuitas. Esperamos contar com a participação de todos”, resumiu Francielle Zuffo, coordenadora de eventos da Rede Empresarial do Centro Histórico.

Como já faz parte da tradição, uma das principais atrações são os combos gastronômicos e de serviços nos estabelecimentos da Rede Empresarial a preços que vão de R$ 15 e R$ 50 e ainda promoções com descontos especiais para quem estiver participando do Festival. Quem quiser aproveitar vai encontrar uma grande variedade de opções, desde iguarias gastronômicas com o pinhão, por exemplo, a tratamentos de beleza.

Os estabelecimentos do entorno também prepararam uma programação cultural extensa. No Jokers, Pizza, Negrita, Nonna Giovanna e Quintal do Monge a programação é focada em música. Também acontecem noites típicas no Oriente Árabe com dança do ventre e no Bar do Alemão com grupos folclóricos. Celebrando a época também vai ter festa junina no Guairacá Cultural e atrações para toda a família como pintura nas calçadas internas do Hostel Roma.

A música ainda estará presente no evento com a participação do Cantoritiba. Grupos que estão participando do Festival Internacional de Corais na cidade farão apresentações gratuitas em estabelecimentos da Rede ao longo da programação. A sétima arte – o cinema – também não será deixada de lado com sessões gratuitas do CineSesc no Sesc Paço da Liberdade.

Outra novidade da 4ª edição do Festival de Inverno são os eventos de moda promovidos em parceria com o Senac. Serão três Safaris Urbanos, que consistem em uma aula prática de tendências de moda através de um passeio por lojas de moda feminina do Centro Histórico. Além disso, ainda acontecem duas palestras sobre Moda e Inverno – todas gratuitas.

Para conhecer um pouco mais da história e gastronomia local, estão previstas várias atividades. Uma delas é uma Roda de Chimarrão, na Casa do Fumo, com causos e curiosidades, e a outra é o “Território da Graciosa”, que inspirado no roteiro da Graciosa vai trazer a apresentação de um drink, feito pelo mixologista Rogério Rabbit Coelho Barroso, harmonizado com um prato da Chef Gloria Vargas, do Farnel Gastronomia Paranaense.

Três circuitos ainda fecham as atividades do Festival de Inverno do Centro Histórico: do chá, do vinho e da cerveja. Com investimento que varia de R$ 20 a R$ 60, curitibanos e turistas vão poder conhecer mais sobre esses produtos e como harmonizá-los em um tour por variados estabelecimentos da Rede. O destaque fica por conta da participação de empresas locais como Erika Biscoitos, Frederica´s Koffiehuis, Tribal Brasil, Moncloa, Vinícola Araucária, cervejarias Bastards, Wensky, Way Beer, Gauden e Bier Hoff.

Confira a programação completa abaixo. Ela também está disponível no site da Associação www.centrohistoricodecuritiba.com.br. As atrações com custo terão inscrições antecipadas pelo email centrohistoricocuritiba@gmail.com e as vagas são limitadas.

A realização do Festival de Inverno do Centro Histórico é da Rede Empresarial com o apoio do Sebrae, Fecomércio, Sesc, Senac, Prefeitura de Curitiba, Fundação Cultural de Curitiba, Museu Paranaense, Procerva.

Sobre a Associação do Centro Histórico de Curitiba - Pensando em promover a maior ocupação da região do Centro Histórico pelos turistas e, principalmente pelos próprios curitibanos, em 2012 surgiu a Rede. Com a iniciativa fomentada pelo Sebrae Paraná, em parceria com o Sistema Fecomércio e a Prefeitura Municipal de Curitiba, 22 estabelecimentos se uniram em torno deste objetivo.

Dentre as ações da Rede estão dois eventos anuais que já estão consagrados pelo público: o Festival de Inverno do Centro Histórico e o Centro Histórico Divertido. 
Conheça mais, saiba dos eventos e promoções dos associados:
www.centrohistoricodecuritiba.com.br
facebook.com/centrohistoricocuritiba
Instagram.com/centrohistoricocuritiba

Nenhum comentário: